| Página Inicial | O Site | Estatística | Contato Domingo, 19 de Novembro de 2017
 
Menu
Cidade
Cultura
Educação
Esporte
Gastronomia
Geral
Nacional
Saúde
Segurança
Trãnsito
Transporte
 
 
Notícias > Cidade Inserida em 15/04/2017 - 17:16:26
Compartilhe Facebook
Ex-executivo da Odebrecht diz que ex-prefeito de Limeira e candidatos nas eleições de 2012 receberam R$ 700 mil via caixa 2
Guilherme Pamplona diz que empresa doava recursos para os políticos que tinham mais chances de ganhar.
 
Reprodução/EPTV
Três candidatos que concorreram a eleição em 2012 em Limeira estão em lista de Fachin
 

Em vídeo obtido pela EPTV, afiliada da Globo, o ex-executivo da Odebrecht Ambiental, Guilherme Pamplona Paschoal, afirma que a construtora deu R$ 700 mil para três dos quatro candidatos a prefeito de Limeira (SP)na eleições de 2012. Os beneficiados foram o ex-prefeito Paulo Hadich (PSB), Eliseu Daniel (PSDB) e Lusherinque Quintal (PSD).

 

A Odebrecht está instalada em Limeira desde 1995. A cidade é um dos lugares do país, onde há mais tempo há uma parceria entre a empresa e o poder publico. No município, o atendimento está relacionado aos serviços de tratamento de esgoto, sendo que a empresa divulga Limeira como referência em saneamento no Brasil.

 

Para manter a boa relação continuar atendendo a cidade, o diretor da Odebrecht Ambiental teria sido orientado a procurar os candidatos a prefeitos com mais chances de serem eleitos em 2012 . De acordo com Guilherme, ele atendeu ao pedido de um superior. O encontro com os candidatos foi realizado na sede da empresa em Limeira.

 

“Foram identificados os candidatos Paulo hadich do PSB, Eliseu Daniel e Lusherinque Quintal do PSD como sendo os três principais candidatos das eleições de 2012 .Eu busquei os três candidatos e tive pessoalmente com o Paulo Hadich e com Quintal na sede da Odebrecht Ambiental em Limeira. Não me recordo do Eliseu Daniel. O Eliseu Daniel, não me recorda se estive com ele”, diz Guilherme no vídeo da delação.

 

Ainda da acordo com o ex-executivo, Hadich e Quintal receberam 250 mil de verbas para campanha via caixa dois, cada um e Eliseu Daniel ficou com 200 mil. O delator diz que Quintal reclamou da quantia recebida, pois queria R$ 600 mil. O ex-diretor garante que todas doações foram pagas de forma não oficial.

 

Para a EPTV, Eliseu Daniel disse que a campanha eleitora não recebeu nenhum tipo de recurso da Odebrecht e que as contas eleitorais foram aprovadas pela Justiça. Luisenrique Quintal falou que por enquanto não irá se manifestar já que ainda não tem conhecimento por inteiro de todas as peças do inquérito. O ex-prefeito de Limeira, Paulo Hadich respondeu que está tentando obter o vídeo da delação para depois dar uma posição sobre a citação do nome dele.

 
Fonte: Portal G1
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


Copyright © 2003 - 2017 - Limeira Online - O Site da Cidade!!! - Todos os direitos reservados - All rights reserved

 

Desenvolvimento