| Página Inicial | O Site | Estatística | Contato Segunda, 29 de Maio de 2017
 
Menu
Cidade
Cultura
Educação
Esporte
Gastronomia
Geral
Nacional
Saúde
Segurança
Trãnsito
Transporte
 
 
Notícias > Cidade Inserida em 16/02/2017 - 19:38:14
Compartilhe Facebook
À espera do dono, cão faz ‘vigília’ em frente a hospital em Limeira, SP
Animal acompanhou paciente de 30 anos dentro da ambulância. Homem deu entrada no local na manhã de quarta (15) e está na UTI.
 
Reprodução Facebook/Alpa
Cão aguarda dono que está internado em UTI de hospital de Limeira
 

O cachorro Marronzinho se tornou um exemplo de lealdade em Limeira (SP) e deu significado aos moradores para a expressão popular “melhor amigo do homem”. Desde às 11h de quarta-feira (15), ele faz "vigília" na porta de um hospital da cidade à espera de seu dono, um morador de rua de 30 anos que está na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

O animal ficou conhecido quando uma equipe médica foi chamada para atender um morador de rua. De acordo com o depoimento de um dos médicos que prestou atendimento à vítima, ao ver o homem ser socorrido, Marronzinho entrou em desespero e pulou dentro da ambulância com o dono.

No hospital, que fica no Jardim Nova Itália, o cão tentou entrar no local várias vezes enquanto o morador de rua aguardava na área de emergência. Desde que o homem foi encaminhado para a UTI, ele “deitou próximo à porta de entrada, ficou comportado e aguarda a saída do homem”, diz relato do médico no Facebook, que até às 10h40 de quinta-feira (16) teve 389 compartilhamentos.

Cuidados e cartaz
Marronzinho recebeu ração, água e carinho dos funcionários do hospital. Na parede, próximo ao local onde o cão fica, os trabalhadores fixaram um cartaz pedindo para que as pessoas não maltratem o animal, pois ele pertence a um paciente.

A Associação Limeirense de Proteção aos Animais (Alpa), que divulgou vídeo no Facebook com elogios à equipe do hospital e imagens de Marronzinho, prestou atendimento veterinário ao cachorro na noite de quarta-feira.

Funcionários da entidade disseram que ele está debilitado, mas optaram por deixá-lo no local para não causar tristeza ou depressão no animal. O paciente teria sido diagnosticado com pneumonia, mas a informação não confirmada pelo hospital, que também não informou o estado de saúde do homem.

 

 
Fonte: Portal G1
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


Copyright © 2003 - 2017 - Limeira Online - O Site da Cidade!!! - Todos os direitos reservados - All rights reserved

 

Desenvolvimento